SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS LANÇAM CAMPANHA SALARIAL 2015/2016 EM CAMPO GRANDE

26/02/2015 19:30

O Sindicato dos Trabalhadores Públicos Federais de MS (Sindsep/MS) participou nesta quarta-feira (25) do lançamento da Campanha Salarial 2015/2016 dos federais em frente do Ministério do trabalho e Emprego

(MTE) na capítal), atendendo ao chamado da Confederação Nacional dos Trabalhadores no serviço Público Federal (Condsef) a fim de pressionar o Governo da Presidente Dilma Rousseff quanto às promessas feitas durante a campanha eleitoral. O Ato Unificado aconteceu em todas as capitais brasileiras e é uma prévia de outras manifestações que devem acontecer a partir de março caso o Ministério do Planejamento não abra rapidamente a via do diálogo com as entidades sindicais. Hoje, uma reunião entre o Ministério do Planejamento e a Condsef em Brasília deve sinalizar como será a evolução das negociações e de novas manifestações.

 

Durante o evento, o Sindsep/MS entregou à população bananas e abacaxis, além de panfletos explicando a pauta de reivindicações. Segundo o diretor geral do sindicato, Joel Lima de França, foi uma maneira de chamar a atenção sobre o descaso que há anos o Governo tem tratado os servidores públicos federais. “O índice linear de reajuste que pedimos para 2016 é de 27,3%, exatamente o valor das perdas salariais que temos acumulado desde 2010. Vale lembrar que os 15,8% de aumento que conseguimos nas greves de 2012 e que foram parcelados em três anos, não incidiram no salário-base, apenas nos benefícios”, disse.

 

Além da reposição salarial, os federais reivindicam uma data-base, o fim do fator  Previdenciário, a não terceirização do serviço público, são formalmente contra a criação do SUT (Sistema Único de Trabalho) quenada mais é que o desmantelamento do MTE, o fim das distorções salariais entre os Três Poderes, entre outras.

 

Além do Sindsep/MS, a mobilização contou com a participação de representantes do Sindicato da PF, PRF, Sista (Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Federais de Ensino do estado de MS), do SindJufe ( Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal e Ministério Público da União de MS), além do Sindicato dos Bancários, Sindicato dos Ferroviários, Sindicato dos trabalhadores na Construção Civil (Sintracom) entre outras instituições.