FETEMS promove Audiência Pública em defesa da Democracia nas escolas públicas

14/04/2015 09:28
 



O evento acontece na terça-feira(14), às 14 horas, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul e vai tratar das eleições para diretores e diretoras das escolas da Rede Pública Estadual. 

A audiência é proposta pelo deputado estadual Amarildo Cruz(PT),tendo como realizadora a FETEMS(Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul). 

O palestrante será o professor Gilmar Soares Ferreira,Secretário de Formação da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação.

O tema central da Audiência Pública é uma decisão da Secretaria de Educação do Estado,  que retira o direito do Funcionário Administrativo de Escola com curso de especialização de 1.260 horas, e duração de 18 meses, denominado Profuncionário, em participar da eleição do cargo para diretor de escola. 

Atualmente, são seis diretores e dois diretores adjuntos, eleitos pelo voto direto que atuam nas escolas públicas, eleitos na última eleição realizada em 2011. 

No estado são 5.800 funcionários administrativos na ativa, aproximadamente 50% tem formação no Programa Profuncionário, segundo dados da secretária dos funcionários administrativos da FETEMS. 

O presidente da FETEMS, Roberto Magno Botareli César, ressaltou que a federação apóia uma eleição irrestrita, democrática e que realmente atenda aos anseios dos trabalhadores e trabalhadoras em educação, pais e alunos. “A federação defende, assim como está no PNE (Plano Nacional de Educação), eleições democráticas e irrestritas. Consideramos que da forma como está a Secretaria de Educação utiliza cláusulas de barreiras no processo de eleições para diretores, por limitar o acesso à participação a quem hoje pode concorrer as eleições e está respaldado pela legislação”, explica.

Fonte: Fetems